sábado, 25 de janeiro de 2014

Festa rija e choros, na taça que não vale...


Depois de ter assistido à tarde, tranquilamente, à exibição dos nossos meninos, preparei-me para ver os nossos rivais a lutarem pelo acesso à meia final, e pelo direito de nos receber em sua casa na próxima eliminatória. 

Começo por dar uma vista de olhos a equipas iniciais e ao ambiente nos estádios, e não dava para enganar: eram jogos importantes. Claro que tudo isto já contradizia um pouco a versão de que esta taça não vale nada, e pouca importância tem. Esta versão é especialmente adotada pelo Porto.

Os jogos foram emotivos, e as tais goleadas de que se falavam, acabaram em vitórias muito suadas, e no caso do Porto, muito imerecidas. Mas pronto, o futebol é mesmo isto, e dos dois, alguém tinha de passar. Mas foi interessante ver as reações no final do jogo de ambos os lados, com os sportinguistas desgostosos, e os adeptos do Porto em festa rija. Afinal, a taça que não vale nada, ainda deve valer qualquer coisita...

Agora temos duas meias finais com o Porto, e resta-nos fazer o melhor para as passar às duas. 

4 comentários:

Daniel Alves disse...

Só temos uma...na Taça de Portugal não está nada garantido ainda. Cuidado!! :)

Filipe Araújo disse...

Pois, tens razão. Já me tinha esquecido que ainda faltam os quartos... lol

Anónimo disse...

Acontecem sempre coisas estranhas no dragão.

lawrence disse...

O próprio dragão já é estranho!