sábado, 9 de Agosto de 2014

Sangria na formação


Que a formação sirva para ser rentabilizada, tudo bem por mim. Mas seria bom que fosse rentabilizada financeira e desportivamente. Na realidade, nos últimos anos, não se tem aproveitado nada do que vem da formação. Até porque quando se fala de formação é preciso entender que os primeiros anos como sénior também fazem parte da formação. 

As saídas de Ivan, Cancelo e Bernardo, ao que parece, são definitivas. Independentemente do valor de cada um, eles, e nós adeptos, mereciam que pudessem provar o seu valor na Luz, cumprir o seu sonho, e dar-nos a nós adeptos jogadores da mesma estirpe que nós: benfiquistas que sofrem com a camisola. A sua saída talvez tenha sido inevitável. Talvez. Se forem verdade os 15M por André Gomes e os 30M por estes três, é um proveito brutal da formação. Mas quanto seriam se continuassem a sua evolução mais algum anos na Luz, com as mesmas oportunidades que outros que vêm sabe-se lá de onde? Até podiam ser menos, mas podiam ser mais. 

Nós benfiquistas sonhamos com jogadores da nossa formação no plantel principal, mas mesmo com uma formação muitos níveis acima de há alguns anos atrás, continuamos na mesma. Claro que muitos acabam por não mostrar a capacidade suficiente. Por exemplo, Nelson Oliveira continua a desiludir-me. Mas também é verdade que a paciência dada a outros vindos de fora é maior do que aquela dada aos nossos. E se isso é um erro e um defeito do nosso treinador, é igualmente uma fraqueza da nossa direção. Se a política desportiva fosse essa, JJ não teria outro remédio...

Se esta crise pode ter algum efeito positivo, que seja o de obrigar o Benfica a apostar mais na sua formação a partir de agora. 

Preocupações fundadas... O BES e o Benfica


Se é realmente verdade que o Benfica tem 200M para pagar, o crédito que teria no BES desapareceu, e que todas estas vendas têm por objetivo este pagamento, então que se admita esse facto e se reduza substancialmente o passivo. Depois, joga-se com o que se pode e que se aproveite a formação. Infelizmente, a saída dos nossos melhores valores, especialmente Bernardo Silva, não augura nada de bom.

Um milagre económico apenas é verdadeiro se for sustentável. Se for sustentado num banco, que ao cair nos leva atrás, então é apenas gestão financeira. E essa gestão, convenhamos, deveria ser melhor, caso contrário, não estaríamos tão dependentes. Mas atenção, ao contrário do que muitos possam pensar, os nossos rivais não estão melhores que nós. Bem pelo contrário. Mesmo que a situação atual não o pareça. 


terça-feira, 5 de Agosto de 2014

Desastre anunciado ou pessimismo exagerado?

Tenho andado sem saber muito o que dizer nesta pré-temporada. Não pude até agora ver praticamente jogo nenhum nesta pré-época, e aquilo que vi deixou-me um pouco assustado. Não vejo praticamente nada do futebol que assistimos nos últimos anos. Basicamente está a decompor-se uma equipa para se formar uma nova. Mesmo que muitos titulares ainda fiquem, é claro que os melhores estão a sair. 

Obviamente que isto requer tempo, dada a maneira como foram planeados os jogos da pré-temporada, as derrotas acabam por ser naturais. Afinal, nós não andamos a jogar com equipas da 2ª e 3ª linha. Com essas nós também ganhamos... De qualquer maneira, o que mais me assusta não é a menor qualidade do plantel. Mesmo com menos qualidade, não deixa de ter muita. O que me assusta é o tempo que vai demorar até a equipa apresentar as ideias de JJ no campo. Eu não tenho dúvidas de que acabará por acontecer, mas será a tempo de lutarmos pelo bicampeonato? É que este deveria ser o grande foco do Benfica, e na verdade, está claro que não é. 

Eu não faço futurologia, e por isso não posso dizer que vamos ou não vamos ganhar títulos. O que sei é que LFV disse uma coisa e está neste momento a fazer outra. Como é possível estarmos a desbaratar tão despudoradamente a hipótese de ganharmos dois campeonatos seguidos? Ter a hegemonia no futebol português não é ganhar um campeonato de festa em festa...

Quanto às derrotas, não me sinto particularmente assustado. Ainda sou do tempo em que éramos todos os anos os campeões da pré-época, para depois descambarmos no campeonato. Esse título não me importo de perder para outros. Até porque, na zona mais afetada, a defesa, há razões para tantos golos sofridos. A forma das equipas de JJ defenderem é muito complexa e necessita de muito tempo para ficar oleada. Não me esqueço do ano passado, que apenas a partir de dezembro/janeiro a equipa estabilizou (e sim, a entrada de Oblak foi importante, mas não, não foi essa entrada um milagre que mudou tudo). No primeiro terço da época sofríamos golos em barda, e numa defesa experimentada e quase toda rotinada entre si. Por isso, a dada altura isso irá mudar. E quando mudar, tudo melhorará.

Relativamente a saídas, LFV devia explicar o que mudou desde a última entrevista quando disse que não era necessário vender mais, e de repente, passar a vender tudo o que se mexe no Benfica. Os que me seguem sabem que não sou vieirista ou contra vieirista. Vejo as virtudes e os defeitos, e aponto os erros quando existem. E esta pré-temporada são erros atrás de erros, sem quaisquer explicações aos sócios. 

Por fim, lembro-me de algumas discussões com pessoas que me diziam basicamente que os sucessos do Benfica se deviam a LFV, que dava todas as condições a JJ, mas que os insucessos, esses, eram da inteira responsabilidade de JJ. Pois bem, o que me dirão este ano? Que argumento ou racionalização farão para continuar defender a ação do nosso presidente na gestão do futebol?

Desastre anunciado ou pessimismo exagerado?

Eu quero acreditar que é claramente o segundo. Aliás, acho mesmo que é o segundo. Mas há condições importantes para que seja mesmo o segundo. Artur está com sem confiança há mais de um ano, e não me parece que volte a tê-la no Benfica. É urgente um GR de qualidade para ser titular. Também é necessário dar a JJ um médio defensivo e um avançado, para que ele equilibre a equipa. 

segunda-feira, 4 de Agosto de 2014

Adeus Tacuara


Marcaste uma época na Luz como poucos nas últimas duas décadas conseguiram.

Com os teus golos deste-nos muitas alegrias, mas mesmo assim, em cada jogo tinhas de calar muitas vozes que não te compreendiam. Tudo isso pouco importa, e daqui a uns anos, todos se lembrarão do enormíssimo avançado que tu foste! 

Irei ter saudades...


"Tomem cuidado, ele é perigoso, ele é o Óscar... Tacuara... Cardozo!"

sexta-feira, 25 de Julho de 2014

Éder no Benfica

Benfiquistas antes do mundial: 

"O Éder é que era! Grande ponta de lança!"


Benfiquistas após o mundial:

"Éder no Benfica? Não queremos cá coxos!"


Nem tanto ao mar, nem tanto à terra, já dizia o outro. Nem antes era o melhor, nem agora é o pior. Não sei se vem, ou se deixa de vir. Prefiro comentar contratações após estarem contratadas. Mas seria bom haver mais calma nas apreciações aos jogadores. Como é o caso de Bebé. Grande potencial, mas por enquanto apenas isso. Conseguiremos tirar dele o que ainda verdadeiramente ninguém conseguiu? 


PS: Se Gaitan e Enzo saem, penso que ficamos em 3º lugar nos candidatos ao título. Mesmo com um plantel mais valioso ainda assim que o Sporting, o entrosamento conta muito, e com tudo isto, poderemos ficar sem praticamente o 11 campeão. E outro 11 campeão, construído quase do zero, demora a fazer. 

terça-feira, 22 de Julho de 2014

Monte de merda


Desculpem o off topic, mas há muito monte de merda por aí, a começar por um ministro da educação que tinha idade para ter juízo... Ou pelo menos, para mostrar coerência nas suas palavras e ações. Mas infelizmente, são poucos os que dizem uma coisa, e logo que chegam ao governo, fazem outra.

Já agora, e independentemente de partidos, há também muito monte de merda nos dois principais partidos. Uns porque agora estão contra, quando antes estavam a favor. E os que lá estão agora, acérrimos defensores de uma prova (aka testes psicotécnicos) que não serve para nada mais que mandar mais uns profs para a rua, quando antes eram acerrimamente contra ela. 

Conto aqui um pequeno episódio quando há uns anos atrás, quando me envolvi na luta contra a prova de "acesso" (porque de acesso não tem nada, já que ninguém entra na carreira se tirar "positiva" ou mesmo 20). Quando juntei 12000 assinaturas numa petição e fui ao parlamento apresentá-la, o mesmo grupo de deputados "professores" do PSD que agora aponta o dedo aos professores, e fala de dignidade e coisas que tal, e que defende a "qualidade" que esta "prova" vem dar, foram os mesmos que me garantiram em mão e olhos nos olhos que eram contra e que iriam lutar contra ela. Pois bem, assim o fizeram, até Sócrates cair. Entretanto Passos foi para lá, e abracadabra, tudo mudou. Montes de merda!

E por falar em montes de merda, assino por baixo este post no Aventar. 


PS: mais uma vez desculpem o off topic, mas precisava de tirar isto do meu sistema. Os habituais do costume, que falam de tudo sem saber de nada podem aparecer a atirar as primeiras pedras. 

Sportinguistas boicotam a Benfica TV


Milhares de sportinguistas, indignados por não terem visto a grande comemoração da vitória na Taça de Honra de Lisboa, estão agora a boicotar a Benfica TV, deixando de pagar a mensalidade. Pelo menos até Setembro!