domingo, 12 de agosto de 2012

Luisão e Pinto da Costa

Vem uma pessoa de férias, e vê logo o Benfica metido numa cena insólita, mas com grande possibilidade de tornar-se grave pela perda de Luisão durante bastante tempo, e ainda apanha com as declarações de Pinto da Costa sobre o mesmo... Não sei o que é mais insólito: o árbitro fingir-se desmaiado, caindo como uma árvore, ou PC a dar lições de moral...

Quanto ao lance, perfeitamente normal, que com um árbitro normal, teria dado amarelo para Luisão. Mas não, em vez de aguentar a pressão, deixou-se cair e fingiu-se de desmaiado, colocando em Luisão uma fama que ele não merece, e um castigo que nos penalizará imenso. Foi uma péssima maneira de acabar a pré-temporada.

Infelizes e incendiárias foram também as declarações do presidente do Fortuna Dusseldorf. A situação não foi bonita, mas foi potenciada por quem tem a função de gerir o jogo.

Por fim, patéticas as declarações de Pinto da Costa, a criticar o incidente. Meu Deus, como fala o roto ao nu... Perseguições a árbitros em pleno relvado faz lembrar alguma coisa? No entanto, apesar de patéticas, são perigosas, pois condicionam já futuras decisões em situações menos pacíficas. E nós sabemos bem que a fama rapidamente se transforma uma verdade absoluta, mesmo que seja completamente falsa...

2 comentários:

Rui Oliveira disse...

E quando muito benfiquista ainda ajudam à festa parecendo umas virgens ofendidas com o encosto de Luisão. Curioso é que depois nem comentam o empurrão ostensivo do árbitro ao Maxi Pereira. Esse bem mais grave que o encosto com o peito do Luisão.

Pedro Araújo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.